Pedestre: 7 dicas para você conviver com segurança no trânsito - Status Seguros

Ínicio > Bem estar > Pedestre: 7 dicas para você conviver com segurança no trânsito

Bem estar

Pedestre: 7 dicas para você conviver com segurança no trânsito

Status Seguros 0 555

Pedestre: 7 dicas para você conviver com segurança no trânsito

O poeta espanhol Antonio Machado disse, uma vez, que “não há caminho; se faz o caminho ao andar”. Ele está certíssimo.

Os pedestres, enquanto trilham seu destino, muitas vezes não percebem que também fazem parte do trânsito da cidade.

Então, no segundo post da série #convivacomsegurança, viemos te contar como fazer seus caminhos com mais segurança.

Cuidado com o celular
Um estudo da Universidade de Ohio, nos EUA, aponta que o número de acidentes envolvendo pedestres que caminham enquanto usam o celular mais do que dobrou entre 2016 e 2017.

A lição é simples: além de evitar o contratempo de tropeçar, cair e ter que levantar, você está mais seguro se deixar para responder uma mensagem ou uma ligação depois.

Que atire a primeira pedra quem nunca esbarrou em algo ou alguém por ter que responder IMEDIATAMENTE a uma mensagem de texto? ?

Faixas de pedestres
É mais importante do que parece a prioridade, no cotidiano, em atravessar na faixa dedicada aos pedestres. Tanto para a sua própria segurança, quanto para colaborar com o tráfego das ruas.

Para as faixas sem sinalização, você é sim a prioridade. Mas sempre sinalize e aguarde a gentileza do motorista antes de atravessar a rua. O contato olho no olho é uma boa para saber se você deve ou não seguir. ?

Crianças longe da rua
É sempre uma questão de segundos para as crianças fazerem uma traquinagem e fugirem do alcance dos adultos. Portanto, a dica simples é: nas calçadas, ande de mãos dadas (bem firmes!) com os pequenos posicionados do lado “de dentro”, a uma boa distância das ruas.

Passarelas
Em vias de grande movimento, se há opção para atravessar usando passarelas e pontes com espaço dedicado à travessia de pedestres, use-as. Na verdade, nem sequer cogite atravessar de outra forma, pois geralmente essa estrutura é dada em contrapartida à ausência de faroís – em marginais, por exemplo -, para o trânsito fluir da melhor forma possível.

Fones de ouvido
Quando percorremos trajetos longos, nada mais gostoso do que ter uma trilha sonora para a caminhada. Mas, atenção: ao atravessar as ruas, tirar os fones do ouvido é uma boa pedida.

Melhor ainda, se puder, é deixar optar por um volume que te permita ouvir tudo o que acontece ao seu redor, inclusive enquanto transita pelas calçadas.

Desembarque de veículos
Sempre desembarque pelo lado da calçada. Se estiver com crianças, o adulto desembarca primeiro e, depois, dá a mão para os pequenos saírem do automóvel em segurança.

Evite correr
Além de usar calçados apropriados e firmes no pé ser uma boa para caminhadas mais longas, é importante ter o hábito de caminhar com atenção e calma. A pressa não vale sua vida, portanto atravesse as ruas sem correr – principalmente se estiver usando chinelos ou calçados com poucas possibilidades de manobras rápidas com os seus pezinhos.

Share

Publicações Relacionadas

Gostou da Publicação? Deixe seu comentário.

Publicações Mais Lidas

Que tal parcelar seu seguro auto em até 10X sem juros?

Cotação pelo Whatsapp